Wilson, uma plataforma de monitoramento de saúde

trabalho-equipe-eficaz-1-1 teste

 

Com o aumento da expectativa de vida da população , cresce também o número de profissionais mais maduros que precisarão estar atuantes no mercado de trabalho. Essa é uma tendência real na pirâmide etária brasileira. Já se identifica a tendência de crescimento ao comportamento mais saudável e na adesão à medicina preventiva como um investimento para que as pessoas possam usufruir da longevidade com qualidade vida.

 

“A maioria das pessoas se preocupa com uma longevidade saudável, mas ainda tem dificuldades em seguir um plano. O Wilson vai ajudar no planejamento e no engajamento com a medicina preventiva e curativa”, comenta Ana Paula Weigert, CEO da WilsonCare.

 

O WilsonWork – o cuidador do trabalhador

WilsonWork  é uma solução de monitoramento de saúde que auxilia empresas a manter seus trabalhadores engajados à medicina preventiva.

O produto pode ser contratado por pequenas, médias e grandes empresas e oferecido como um benefício ao trabalhador. Uma versão gratuita também está disponível voltada para profissionais autônomos com o objetivo de democratizar o cuidado preventivo.

A empresa que contrata o WilsonWork consegue obter o mapeamento de grau de propensão de doenças crônicas e indicadores de saúde do seu quadro de funcionários. Os dados que geram as informações de status de saúde são coletados através de um aplicativo. O aplicativo é uma ferramenta disponibilizada ao trabalhador para que ele possa organizar sua agenda de tratamento preventivo e curativo e receber orientações de saúde.

 

A História do Wilson

Criado há 4 anos, o Wilson nasceu em um Hackathon promovido pela Quantum na Universidade Positivo em Curitiba no final de 2016. Hackathon é um tipo de evento que possui a finalidade de debater e elaborar ideias e soluções inteligentes preferencialmente fazendo o uso de tecnologia que em geral ocorre durante um final de semana.

A ideia Wilson foi vencedora neste evento e desenvolvida inicialmente voltada ao público idoso.  A solução “Wilson – o Cuidador Digital ” contava com um aplicativo, que juntamente com alguns sensores conectados a um equipamento na casa do idoso, possibilitando que a família do idoso realizasse o acompanhamento da saúde e da rotina remotamente. Além disso, o objetivo da equipe era ajudar o idoso a não se sentir tão sozinho em casa, dessa forma propondo uma espécie de comunicação inteligente dentro do aplicativo para conversar com o idoso.

Sendo assim, foi escolhido o nome “Wilson” inspirado no filme O Náufrago (2000), em que Chuck, quando está sozinho em uma ilha, conversa com a sua bola Wilson, com o objetivo combater a solidão.

Em 2017, o projeto foi apresentado para alguns estabelecimentos e hospitais. A apresentação da ideia aos hospitais pretendia ampliar o público-alvo que poderia ser beneficiado com a utilização do aplicativo Wilson na jornada do paciente pós-operatório. No entanto, a mudança de vários membros dentro da equipe impactou no desenvolvimento do projeto.

No primeiro semestre de 2018, a empresa WilsonCare passou por uma fase de pré-aceleração oferecida pelo Founders Institute, que orienta a elaboração de novos negócios inovadores no mercado em early-stage. A participação da startup no programa foi fundamental para estruturação do projeto com suporte de mentores e para acesso a uma rede de relacionamento com empreendedores de startups e do ecossistema de inovação. O projeto seguiu em desenvolvimento com recursos próprios.

A startup também participou do Ciclo de Inovação de Hospitais de 2019, um programa de pré-aceleração da Hotmilk para fomentar soluções de saúde e tecnologia. Desta vez, o Wilson teve a oportunidade de realizar diversas visitas em hospitais, apresentando o projeto a várias áreas que se interessaram pela ideia para auxiliar durante a jornada do paciente.

Ainda em 2019, a startup criou uma nova vertical para cuidar da saúde do trabalhador visando participar do Edital da Sesi Tech, do Sistema Fiep, o WilsonWork, cujo objetivo era incentivar soluções inovadoras para Saúde e Segurança do Trabalho. Com o apoio de recursos do Edital,  foi desenvolvido o projeto “Enfermeira Digital” pelo Instituto de Tecnologia de Informação do Senai de Londrina – renomeado para Cuidador Digital, agregando a solução inteligência artificial para engajar e orientar o trabalhador na saúde.

Acreditamos que as pessoas podem ter longevidade saudável e produtiva com qualidade de vida. 

Todo mundo precisa de cuidados e o Wilson quer cuidar do mundo. 

 

Abrir Chat
Fale com a equipe Wilson!
Fale com a Equipe Wilson